Influências Maravilhosas e os anos 80

Em junho de 1984 eu completava 4 anos e vivia entre os adultos. Hoje me dou conta destas influências maravilhosas, da força e poder das mulheres da minha vida e da década de 80.
Mesmo sendo adolescente na década no minimalismo e depois me tornar adulta em um período onde as bolsas e sapatos são os protagonistas dos acessórios, eu ainda assim amo um colar.
Confesso, eu também fiquei um período sem usar colar, no máximo uma correntinha discreta. A chocker foi o acessório que me lembro com mais clareza da década de 90, não fez de mim fã. Eu gordinha, sabia que não queria evidenciar minhas bochechas e me deixar mais ainda com cara da bolacha Maria.
Eu cresci e como tantas outras mulheres da minha idade, mais ou menos, deixei de usar acessórios por uma imposição da moda do “menos é mais” depois da overdose que foram os anos 80. Hoje temos estes mesmos acessórios como ícone de estilo pessoal, ou seja, personalidade e autenticidade.
Somos livres para ser quem quisermos ser e até a Barbie e as Princesas da Disney me dizem isso todos os dias nas propagandas. Livres para nos expressar, temos poder de voz e até o que não fala, comunica quem somos. Nossos gestos, tom de voz, atitudes, forma de pensar e vestir e sim, os acessórios que escolhemos e como usamos os mesmos.
Acessórios discretos, pois você é assim ou o motivo é não saber como usar algo mais você? Ou você está se conhecendo e ainda não sabe qual é a conduta do seu estilo pessoal?
São muitas perguntas e não são somente suas, ontem eu esclareci algumas em uma LIVE dupla (no instagram e facebook), de qualidade de imagem duvidosa, mas com bastante conteúdo sobre acessórios e como começar a usá-los para experimentar e identificar o que te valoriza ou não.
Assiste e me conta se ainda tem dúvidas, eu posso te ajudar #PerguntaPraKelly

Publicitária, Produtora de Moda, Personal Stylist, Consultora de Imagem especializada em acessórios pela renomada escola francesa Ecole Supérieure de Relooking. Atua com a autoestima feminina há 15 anos, interagindo com conhecimento e seu olhar criativo para que todas (que já passaram ou passarão em sua vida), possam alcançar o objetivo de ser feliz e realizada consigo mesma, em uma leve diversão de esconder e enaltecer o que e quando quiser, para se ser plenamente quem é em estilo, atitude e beleza.

Leave A Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *